* * Bem Vindos * *

17 março 2010

Blobfish

É o peixe mais feio das profundezas oceânicas(e resta alguma dúvida disso?). É encontrado na costa da Autrália a aproximadamente 800 metros de profundidade e por isso não é comum encontramos com um nadando por ai (ufa!). Seu nome científico é Psychrolutes marcidus e pode chegar a 30 cm de comprimento. O corpo é gelatinoso e apresenta capacidade de flutuar sobre o chão.

Mesmo não sendo lá muito atrativo, esse cara ai está ameaçado de extinção por ser vulnerável e pego por redes de arrastão durante a pesca de outros animais.





15 março 2010

Você sabe o que é caviar?

Essa comida de luxo (e ruim), nada mais é do que ovas não fertilizadas de um dos animais mais antigos do globo, o esturjão.
Esse peixe jurássico, pode chegar até 100 anos, atingir cerca de 6 metros de comprimento e pesar 1000 kg.
O beluga, que produz as maiores e mais valiosas ovas, já foi ameaçado de extinção,devido à caça predatória.

A maior parte da produção mundial do peixe, vem do Mar Cáspio. As 3 mais famosas são o beluga (
Huso huso), o osetra (Acipenser gueldenstaedtii colchicus) e o sevruga (Acipenser stellatus
). Vivem no mar e usam os rios para reprodução. O esturjão siberiano é um peixe de água doce, explorado atualmente em cativeiro.

Para se extrair as ovas é preciso esperar a maturidade sexual delas. É um trabalho demorado porque elas demoram 20 anos para começar a produzir. A retirada deve ser feita com a fêmea ainda viva já que após a morte, é liberada uma toxina. Hoje em dia, com a criação desses animais em cativeiro, está sendo usado técnicas cirúrgicas para a retirada, permitindo conitinuação da produção.

A coloração das ovas é uma questão de pigmentação genética. As mais claras são as mais raras e caras.


Segue abaixo algumas fotos que encontrei por ai.